Benefícios completos para o seu carro!

Cotar Agora
Dicas

Álcool ou gasolina? Qual a melhor opção para um carro flex

Por PROAUTO

Quando você vai a um posto de combustível e tem um carro flex, fica sempre a dúvida: abastecer com álcool ou gasolina? Em relação a manutenção e desgaste de peças dos carros com motor bicombustível, as montadoras garantem que não há diferenças ou problemas gerados no abastecimento para qualquer proporção de álcool ou gasolina. Vantagens Etanol: É um combustível mais limpo, que não provoca os indesejados depósitos carboníferos na câmara de combustão e polui menos o meio ambiente. Tem o preço mais acessível e o motor ganha em desempenho. Gasolina: O consumo é menor que o do etanol, portanto, oferece maior autonomia, exigindo menos paradas no posto de combustível. O uso é ideal em longas viagens em rodovia. Cuidados mecânicos Se olhar as recomendações das montadoras não há em nenhum lugar falando sobre qual combustível utilizar e se precisa ser feita uma troca. Porém, isso não quer dizer que alguns cuidados não possam estender o bom funcionamento da mecânica do carro. Mecânicos recomendam que se utilize a gasolina, pelo menos, uma vez a cada três meses. Segundo eles, os resíduos do álcool podem danificar as tubulações que levam combustível até o motor. A gasolina, nesse caso, ajuda na limpeza e garante o bom funcionamento. Melhor preço A vantagem de ter um carro flex é poder escolher qual combustível abastecer e pelo melhor preço. O rendimento do etanol costuma ser 70% menor do que com a gasolina. Isso quer dizer que com a mesma quantidade de etanol e gasolina, é possível andar mais com a gasolina. Sabendo desse percentual de diferença, é preciso considerar a mesma regra na hora de calcular o valor. Compensa abastecer com álcool se o preço dele for 70% ou menos que o valor da gasolina.